ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!

ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!

CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...

CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...










quinta-feira, 2 de setembro de 2021

Corpo encontrado boiando no Rio Ivaí, em São João do Ivaí, foi "desovado" após homicídio





A Polícia Civil de São João do Ivaí, comandada pelo delegado de Jandaia do Sul, Gustavo de Pinho Alves, concluiu investigação sobre a morte de Ilson de Melo Moraes, de 30 anos, que foi encontrado boiando no Rio Ivaí no dia 22 de agosto, abaixo da ponte entre São João e São Pedro do Ivaí. Ficou constatado que não se tratou de suicídio, mas sim de assassinato e que o corpo foi jogado no rio (desova). Clique aqui para ler a matéria sobre o achado de cadáver.


Ilson havia saído da cadeia há cerca de 2 meses antes de ser morto. Ele era natural de Faxinal, mas estava morando em São Pedro do Ivaí. Conforme destacou o delegado em entrevista ao repórter André Amaral, o jovem teria sido morto por vingança. "Apuramos que ele tinha duas mulheres e uma delas era agredida e abusada. Esta teria ido até a casa de um amigo e contou sobre as agressões, sendo que ele e outros dois homens ficaram revoltados e disseram que daria um susto em Ilson", relata o delegado. 



Ainda, de acordo com as investigações, a vítima foi até a casa dos homens que ficaram revoltados com ele e foi espancado e enforcado. O corpo foi colocado no porta malas de um carro e levado até a ponte, segundo relato da esposa. "Ouvimos os suspeitos e eles alegaram que Ilson ainda estava vivo quando foi colocado no porta malas". 

Cinco pessoas são suspeitas de envolvimento no crime, sendo que quatro já deram depoimento a polícia. Todos serão indiciados para que possam ser julgados pela justiça e responder pelos crimes.  

CLIQUE AQUI PARA ENTRAR NO GRUPO DE WHATSAPP DO CANAL HP

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

GODOY MOREIRA

GODOY MOREIRA

LUNARDELLI

LUNARDELLI