ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!

ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!


CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...

CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...









sábado, 20 de novembro de 2021

Pedágio: confira os preços propostos no novo modelo de concessão

 


O novo modelo de pedágio será adotado pelos próximos 30 anos. As rodovias vão a leilão, pela menor tarifa, com valores máximos que variam de 19% a 66% menores que os atuais. As propostas das empresas concorrentes devem apresentar ainda desconto sobre esses preços.


De acordo com o projeto, a nova concessão permite um degrau tarifário, que prevê um acréscimo de até 40% no valor do pedágio após a conclusão das obras de duplicação previstas no programa de concessão. Ou seja, rodovias duplicadas ficarão mais caras.

Ao todo, serão leiloados pouco mais 3,3 mil quilômetros, que somam R$ 377,14 em pedágio no total, ou seja, R$ 0,11 por quilômetro. São 42 praças divididas em seis lotes, quinze a mais do que existe atualmente.


O pedágio de São José dos Pinhais, na BR-277, que liga Curitiba ao Litoral, terá o valor inicial de leilão em R$ 14,33, podendo saltar para R$ 15,20 após as obras. O preço é 38% menor que os R$ 23,30 praticados hoje.

A praça de Jataizinho, no norte do estado, que tem o maior pedágio do Paraná, terá uma redução de 63%. O preço praticado por lá é de R$ 26,40 e vai para leilão com valor inicial de R$ 9,86.

Cinco pedágios podem ter valor maior dos que os cobrados atualmente, após o degrau tarifário: Ortigueira, Imbaú, Tibagi, Witmarsum e Mandaguari. (Informações Banda B)



SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

GODOY MOREIRA

GODOY MOREIRA

LUNARDELLI

LUNARDELLI