ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!

ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!


CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...

CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...








sábado, 15 de janeiro de 2022

Moradores de São João do Ivaí reclamam de água "podre" sendo descartada em córrego

 


Na manhã desse sábado (15), um internauta entrou em contato com o Canal HP para buscar respostas da Sanepar, com relação a um investimento que foi feito para livrar os moradores das chácaras na Água do Macaquinho, que ficam nas proximidades da estação de tratamento de esgoto, do odor que é gerado com o dejeto.


“Herithon, queria relatar uma situação que estamos passando aqui nas chácaras perto do tratamento de esgoto, onde há poucos dias a Sanepar gastou mais de 700 mil reais para tirar a tubulação que despeja no Rio Macaquinho para transferir ao Rio Macaco, na água da Jabuticaba. Já foi feito isso para tirar o mau cheiro aqui dessa região, mas eu imagino que foram 700 mil da nossa população de São João do Ivaí jogado no lixo, porque diversas vezes nos dias de chuva eles soltam toda essa impureza aqui e ninguém aguenta esse mau cheiro, pois hoje cheguei na chácara São Sebastião por volta das 06:00 da manhã para ver como estava o cano que despeja o dejeto no Rio Macaquinho e estava naquela situação fedorenta. Queremos uma resposta da Sanepar”.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da Sanepar e foi emitida a seguinte nota:


“A Sanepar esclarece que a instalação do novo emissário está em fase final de execução, faltando uma adequação dentro da estação de tratamento de esgoto. A água escura que desceu hoje pela manhã é efluente da limpeza do decantador, sendo que o líquido não oferece risco ao meio ambiente. Esta limpeza é feita a cada seis meses e necessária para manter o esgoto tratado dentro dos padrões exigidos pelos órgãos reguladores”.

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

GODOY MOREIRA

GODOY MOREIRA

LUNARDELLI

LUNARDELLI