ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!

ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!

CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...

CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...










terça-feira, 26 de abril de 2022

Polícia prende homem que tentou matar amante da ex-esposa


Um casamento malsucedido, com a disputa de paternidade de uma criança, terminou em caso de polícia, nesta segunda-feira (25). Um homem foi preso ao tentar matar o atual companheiro da ex-esposa, com um tiro de espingarda, depois de uma discussão sobre a guarda de duas crianças. O caso se deu em Mandaguari e a prisão foi feita pela Policia Militar de Jandaia do Sul.

A rixa entre os dois homens, que se arrastaria há algum tempo, envolve, além da mulher, a paternidade de uma das crianças. Segundo o próprio autor, os dois tiveram uma discussão nesta segunda-feira (25), quando o atual companheiro da ex-esposa teria ameaçado se mudar com a mulher para outra cidade, para que o homem não pudesse mais ver a filha.

O próprio autor da tentativa de homicídio contou que após a troca de ameaças, ele voltou para sua casa, pegou a arma, foi novamente ao encontro do rival e fez o disparo. A vítima foi socorrida pelo Samu Aéreo e levada para Maringá, em estado grave.

O autor conta que ele e a mulher foram casados por cerca de 14 anos. E tiveram uma filha. Por conta de uma discussão grave, os dois chegaram a se separar, há uns três anos. Algum tempo depois, no entanto, reataram o casamento e nasceu uma outra criança. Segundo o homem preso, ele se separou novamente da mulher há um mês, quando soube, por terceiros, que um exame de DNA comprovaria que o pai da criança mais nova é outro homem, com quem sua esposa passou a se relacionar durante a primeira separação. Ainda segundo o autor, a mulher e o atual companheiro dela estariam impedindo que ele visse a filha mais velha e ameaçando se mudar para outra cidade, levando as crianças para longe dele.

“Eu criei a criança mais nova por um ano e seis meses como um pai, como uma filha. Se eu soubesse que era de outro homem nem teria reatado o casamento”, disse, em entrevista.

 

A PRISÃO

A Polícia Militar de Jandaia do Sul foi acionada no início da tarde desta segunda-feira (25), pelas equipes da PM que atenderam o caso, em Mandaguari. O autor do disparo, ocupando um veículo Gol, teria fugido pela BR sentido Jandaia.  

Com as informações detalhadas sobre as características do veículo, a equipe da PM de Jandaia do Sul foi até o primeiro trevo de acesso a Jandaia, sentido Mandaguari, quando conseguiu localizar o veículo. O condutor do veículo, com manchas de sangue na roupa, não resistiu à prisão, confessando de imediato o que acabara de fazer e mostrou a arma, que estava no banco traseiro do veículo. A polícia apreendeu a arma, um cartucho intacto e outro deflagrado, que estava dentro do bolso da calça do autor.

Realizada a prisão, a PM de Jandaia do Sul informou às equipes de Mandaguari, que estavam à procura do autor. Conforme boletim de ocorrência, indagado sobre a arma de fogo, o homem informou ter acabado de efetuar um disparo contra outro homem que, segundo ele, teria feito ameaças diversas vezes.  O homem preso, a arma e os cartuchos apreendidos foram encaminhados pela PM para a Delegacia da Polícia Civil, para as providências.


Informações: TN Online


 

CLIQUE AQUI PARA ENTRAR NO GRUPO DE WHATSAPP DO CANAL HP

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

GODOY MOREIRA

GODOY MOREIRA

LUNARDELLI

LUNARDELLI