ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!

ECONOMIA SEMPRE PERTO DE VOCÊ!

CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...

CONSTRUIR OU REFORMAR? ESSE É O LUGAR...










terça-feira, 17 de maio de 2022

Homem acusado de assassinar tia e incendiar corpo é morto em confronto com a PM



Morreu, ao se envolver em confronto com a Polícia Militar (PM), Lucas Oliveira, de 26 anos. Ele tinha dois mandados de prisão em aberto: um por tráfico e outro por homicídio. Ele confessou, em 2020, ter assassinado a tia e o namorado dela. Na noite desta segunda-feira, armado, ele teria reagido à abordagem dos policiais, em Cambé, norte do Paraná.

 Conforme apurações feitas no local, a tentativa de abordagem aconteceu na Rua dos Caçadores. De acordo com a PM, ele estava acompanhado de um amigo, que se rendeu e foi preso. Lucas teria mostrado estar armado e foi atingido por dois disparos. Foi apreendida uma pistola 380 e algumas porções de maconha.

Duplo homicídio

Lucas respondia pelos assassinatos de Roseli Florindo e de Luiz Araújo, ambos de 52 anos, cometidos em junho de 2020. Na ocasião, após o casal passar o dia no pesqueiro, encontrou Lucas, que visitava a mãe. Eles discutiram, quando o sobrinho deu um tiro na cabeça de Roseli. Luiz tentou defender a companheira e foi atingido por dois disparos. A arma usada no crime era do pai, já falecido.

 Depois dos homicídios, Lucas colocou os corpos no carro, dirigiu pela PR-445 e parou em Irerê, 37 quilômetros de distância. Na cidade, o veículo foi incendiado com as vítimas dentro. Entretanto, ele negava ter colocado fogo no automóvel.

Em depoimento, Lucas disse ter matado a tia por vingança. Ele afirmava que Roseli riu da morte do pai dele e que promoveria um churrasco, em março de 2020.

Informações: RIC Mais

CLIQUE AQUI PARA ENTRAR NO GRUPO DE WHATSAPP DO CANAL HP

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO JOÃO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

SÃO PEDRO DO IVAÍ

GODOY MOREIRA

GODOY MOREIRA

LUNARDELLI

LUNARDELLI